Preenchimento

Preenchimento

Durante o processo de envelhecimento, ocorre diminuição da gordura facial, do
colágeno e de fibras elásticas, resultando em redução do volume da face e perda dos traços
típicos de uma aparência jovem. Ocorre afinamento dos lábios e surgimento de rugas periorais
(código de barras), aparecem os sulcos naso-genianos (bigode chinês), o sulco abaixo dos olhos
fica mais evidente (olheiras), há redução das maçãs do rosto e perda do contorno facial.
Os preenchedores são uma ferramenta fundamental para a abordagem do
rejuvenescimento facial atual. O preenchimento cutâneo consiste na injeção de substâncias
com o objetivo de restabelecer o volume perdido, melhorando a sustentação da face. Várias
substâncias são usadas como preenchedores, sendo o ácido hialurônico um dos mais
utilizados, devido à sua segurança.
Antes da aplicação realiza-se uma avaliação detalhada da face para definir quais áreas
precisam ser tratadas para que se tenha o resultado desejado. O procedimento é realizado no
consultório médico, sendo pouco doloroso. Em alguns casos, pode-se fazer o uso prévio de
cremes anestésicos ou, até mesmo, infiltração anestésica. Os resultados já podem ser
percebidos na hora, porém ficam mais evidentes após 7 a 10 dias da aplicação. Pode ocorrer
um pouco de inchaço e alguns pequenos hematomas nas áreas tratadas.
O preenchimento dura em torno de 12 a 18 meses, variando de acordo com
características individuais do paciente (emagrecimento, idade, estilo de vida e metabolismo),
da área tratada e do produto aplicado.
O tratamento para rejuvenescimento facial mudou, atualmente, do simples
apagamento de rugas e estiramento cirúrgico para um enfoque no qual se procura
restabelecer o volume, a sustentação e o contorno facial, preservando os traços característicos
de cada paciente e buscando sempre uma aparência natural.